PDF Imprimir E-mail

    

assemb 2011

2011-12-11 12.19.14 - cpiaASSEMBLÉIA DIOCESANA DE PASTORAL

Aconteceu neste domingo, 11 de dezembro, das 8h00 as 17h00, no CEDIPAS em Assis/SP,  a Assembléia Diocesana de Pastoral. A assembléia formativa e ao mesmo tempo celebrativa foi preparada com muito carinho para acolher a todos os participantes com grande alegria. Contamos aproximadamente 150 pessoas entre presbíteros, religiosas, seminaristas, assessores e coordenadores de movimentos eclesiais, agentes de pastorais e leigos representando as diversas paróquias de nossa Diocese. Nosso Bispo Diocesano, Dom José Benedito Simão fez a abertura, explicando aos presentes o motivo da Assembléia . Pe. Antônio Borecki, coordenador diocesano de pastoral, fez a acolhida e a apresentação  dos presentes. 

assemb20115

No periodo da manhã, Pe. Eduardo Andrade de Moraes e sua equipe fizeram uma belíssima apresentação a respeito da Iniciação Cristã e a Palavra de Deus. 

1 - Iniciação à Vida Cristã 
Na linha da segunda urgência das DGAE, Igreja: casa de iniciação à vida cristã, a Assembléia ressaltou a necessidade de construir comunidades fraternas e acolhedoras, que cuidem com atenção especial de:
• Processos de iniciação cristã, com uma catequese de inspiração catecumenal, acentuando o aspecto celebrativo, em dinâmica permanente de encantamento pelo Cristo e pelo Reino.
• Catequese permanente/Mistagógica
• Retiros Querigmáticos 
• Formação de leigos e leigas
• Formação dos seminaristas, presbíteros e Coordenadores Diocesanos de Pastoral
assemb20117palavramelqueadoa2 - Palavra de Deus
Na linha da terceira urgência das DGAE, Igreja: lugar de animação bíblica da vida e da pastoral, a Assembléia ressalta a necessidade de valorizar a Palavra de Deus, as suas diversas formas de proclamação, e a formação, com as seguintes indicações práticas:
• Homilias querigmáticas
• Círculos Bíblicos, CEBs, Grupos de Reflexão, Grupos de Estudo – Escola da Palavra/Fé
• Criação de subsídios
• Leitura Orante/ Lectio Divina/Oficio Divino
• Formação de Ministros da Palavra
• Incentivar o I Simpósio da Animação Bíblica, previsto para setembro de 2012

 assemb2011saleteApós o almoço, o COMIDI - Pe. Marcelo Barreto e Salete B. Sales -  fizeram uma apresentação sobre a Missionariedade. Falaram a respeito da  primeira urgência das DGAE, uma Igreja em estado permanente de missão, a Assembléia ressalta o valor indispensável do testemunho da comunidade eclesial, com atenção às seguintes ações concretas:
• Presença eclesial junto a grupos humanos, juventude, profissionais liberais e condomínios
• Ecumenismo e diálogo inter-religioso
• Santas Missões Populares, Sistema Integral de Nova Evangelização
• Projeto igrejas-Irmãs
• Projeto Missionário Sul 1 – Norte 1

A seguir Pe. Sérgio Henrique , Seminarista Leandro e Pe. Mauro falaram a respeito da - Setorização e a Renovação das Paróquias .

Na linha da quarta urgência das DGAE, a Assembléia ressalta a necessidade de renovação das paróquias, para que sejam expressões da  “Igreja: comunidade de comunidades”, apontando as seguintes ações concretas:

• Pastoral Orgânica e de Conjunto

• Setorização

• CEBs, pequenas comunidades, Grupos de rua

• Ministérios confiados a leigos e leigas

• Estruturas de Comunhão - Conselhos  (Pastoral, Econômico, Leigos...)

• Pastoral da Acolhida

Seminarista Leandro falou a respeito da ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVO-PASTORAL:


O CPP – Conselho Paroquial de Pastoral – Um grupo de pessoas, escolhidas pela comunidade, que em comunhão com o pároco, representa a comunidade, os ministérios, as pastorais e movimentos existentes na paróquia, e têm como missão o serviço da animação pastoral da paróquia.
O CPC - Conselho Pastoral de Comunidade - é um espelho daquele que existe para toda a paróquia, o CPP.  O CPC cuida especificamente dos assuntos que dizem respeito à vida da comunidade. Em comunhão com toda a Paróquia o CPC de cuidar para que a missão evangelizadora alcance todos os ambientes.O CAP - Conselho Administrativo Paroquial - é um órgão representativo da comunidade que, sob a presidência do pároco, atua diretamente na administração econômico-financeira da Paróquia.O CAP - Conselho Administrativo Paroquial - é um órgão representativo da comunidade que, sob a presidência do pároco, atua diretamente na administração econômico-financeira da Paróquia.
O CAP - Conselho Administrativo Paroquial - é um órgão representativo da comunidade que, sob a presidência do pároco, atua diretamente na administração econômico-financeira da Paróquia.
TESTEMUNHO. Quatro leigos das Regiões Pastorais puderam dar testemuinho a respeito de sua região pastoral ou Paróquia.

Dom Simão deixou  claro que a Igreja nos pede que todos esses conselhos  devem estar em pleno  funcionamento em todas as Paróquias da Diocese.

assemb20116joseanatoliApós um breve intervalo o Setor , Juventude (Ir. Josiana , Anatóli e equipe) fizeram uma sintese sobre os trabalhos que o setor juventude vem desenvolvendo na Diocese de Assis.

A Assembléia deu um destaque especial à juventude, ressaltando a necessidade de retomar a evangelização da juventude,  com as seguintes indicações concretas:

• Organizar e animar o Setor Juventude, repensando as estruturas do trabalho com jovens, tendo como referência o Doc. 85 da CNBB

• Garantir o espaço para os jovens nas comunidades como sujeito da missão evangelizadora

• Missões jovens

• Atividades nas escolas e universidades

• Investir na oportunidade da  Jornada Mundial da Juventude (JMJ 2013)

Em seguida foi a vez da Pastoral Social - Pe. José Martins , Pe. Arnaldo,  Pe. Marcos Damasceno, Pe. Orlando e equipe fizeram as explicações a respeito dos trabalhos que estão sendo realizados e os projetos para o ano que vem.

Pe. Arnaldo e o casal diocesano da pastoral familiar fizeram uma demonstração sobre o setor família. Na linha da quinta urgência das DGAE, Igreja a serviço da vida plena para todos, a Assembléia deu destaque especial à defesa da dignidade humana e às pastorais sociais, indicando as seguintes ações concretas:

• Pastoral Familiar

• Pastoral da Ecologia: Educar para a preservação da natureza e para a ecologia humana

• Pastoral social e política dos cristãos   (Participação nos Conselhos Municipais)

• Pastoral Universitária/Educação

• Pastoral da Comunicação: dinamizar a PASCOM para desencadear um processo de comunicação interna (gerando comunhão nas pastorais) e externa (marcando presença nos espaços de decisão)

• Formação na Doutrina Social da Igreja

• 5ª Semana Social Brasileira

DOM JOSÉ BENEDITO SIMÃO: Dom Simão finalizou a Assembléia, convidando a todos a procurar conhecer  e estudar o subsído elaborado pela Diocese em preparação ao  quinto plano de ação pastoral. Este material deverá ser estudado e discutido em todas as comunidades, movimentos, setores, devendo atingir a todos de nossa Diocese. O resultado deverá ser levado as assembléias paroquiais e regionais que já estão sendo marcadas e depois deverão ser trazidos para a Assembléia Diocesana que já está marcada para o  dia03 de junho de 2012.

ASSEMBLÉIA DIOCESANA DE PASTORAL 2011

RETOMADA DE ALGUNS ASPECTOS DO RECENTE PROCESSO DE EVANGELIZAÇÃO ECLESIAL
 EM SEUS DIVERSOS NÍVEIS

I. CONFERÊNCIAS E ASSEMBLÉIAS ECLESIAIS


        1.   CONFERÊNCIAS DO CELAM

1.1    1ª Conferência – Rio de Janeiro – 1955 = onde nasceu o CELAM
1.2    VAT. II – 1966
1.3     2ª Conferência – Medellin – 1968 – CEB´s – TL
1.4     3ª Conferência – Puebla – 1979
1.5     4ª Conferência – Santo Domingo – 1992
1.6      5ª Conferência – Aparecida – 2007


                   2.  49ª ASSEMBLÉIA GERAL DOS BISPOS DO BRASIL = Doc. 94: Diretrizes Gerais                                
          da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (2011-2015):
                
                 2.1       Cap. I =   Partir de Jesus Cristo
2.2       Cap. II =  Marcas de nosso tempo
2.3       Cap. III  e IV = Urgências na ação evangelizadora e perspectivas de
       ação
2.3.1 Igreja em estado permanente de missão
2.3.2 Igreja: casa da iniciação à vida cristã
2.3.3 Igreja: lugar de animação bíblica da vida e da pastoral
2.3.4 Igreja: comunidade de comunidades
2.3.5 Igreja a serviço da vida plena para todos
                                2.4      Cap. V = Indicações de operacionalização: plano e passos
               metodológicos
                                            CONCLUSÃO:  Compromisso de unidade na missão


                           3.   33ª ASSEMBLÉIA DAS IGREJAS PARTICULARES DO REGIONAL SUL 1
                    CAP. III. URGÊNCIAS NA AÇÃO EVANGELIZADORA DA 49ª ASSEMBLÉIA
                                   GERAL
                   (base de reflexão da 33ª Assembléia do Regional Sul I)

3.1    Missionariedade //.................................................  DGAE  2.3.1
3.2     Palavra de Deus //.................................................. DGAE  2.3.3
   3.3     Iniciação à vida cristã //.......................................... DGAE  2.3.2
3.4     Setorização e a renovação das paróquias //............ DGAE  2.3.4
3.5     Juventude //........................................................... destaque especial
3.6     Pastoral social //..................................................... DGAE  2.3.5
II. SINAIS DOS TEMPOS ?? SINAIS DE DEUS
 

1. Contextualização - mudança de época -  fenômeno do novo tempo -  3º milênio: era globalizada - crise geral dos valores ocidentais
2. Modernidade e pós-modernidade: trans-modernidade
3. Tempo de serenidade e ocupação
4. Tempo de sensatez e compromisso
5. Tempo teológico: sinais de Deus e sinais dos tempos ? teologia da pregação
6. Tempo de fé no Senhor da História
7. Novo paganismo -  novo testemunho


5 plano estudoIII. RUMO AO 5º PLANO DE AÇÃO PASTORAL DIOCESANO


1. Envolvimento participativo dos Setores Orgânicos de Instrumentos Eclesiais (SOIE)

2. Método inicial: subsídio :  5 encontros orantes
2.1 A luz da Conferência de Aparecida
2.2 Vocação dos discípulos missionários
2.3 Nossa missão como discípulos de Jesus
2.4 O caminho de formação dos discípulos missionários
2.5 Lugares de encontro do discípulo missionário com Jesus

3. Indicações úteis de operacionalização das DGAE 2011-2015
3.1 Onde estamos
3.2 Onde precisamos estar
3.3 Nossas urgências pastorais
3.4 O que queremos alcançar
3.5 Como vamos agir
3.6 O que vamos fazer
3.7 A renovação das estruturas

4. Prazos


4.1 Data máxima para entrega dos relatórios preparados pelos SOIE: 20 de maio de 2012
                              
4.2  Data da Assembléia diocesana sobre os relatórios trabalhados pelo Conselho de Pastoral Diocesano (CPD):  03 de junho de 2012

 

 

assemb20111

A Diocese de Assis agradece a todos que se fizeram presentes. Ao Clero, as religiosas, seminaristas, leigos representantes das Paróquias, movimentos, associações.  Uma gratidão especial aos que não mediram esforços para que nossa Assembléia fosse realizada.  

DIOCESE DE ASSIS RUMO AO 5º PLANO DE AÇÃO PASTORAL

Vejam todas as fotos da Assembléia no facebook da Diocese de Assis.

Também no site www.rccassis.com.br